Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Começa o ano letivo

Escrito por José Valmei Bueno | Publicado: Terça, 05 de Fevereiro de 2019, 09h53 | Última atualização em Quarta, 13 de Fevereiro de 2019, 18h41 | Acessos: 457

Primeiro dia de aulas tem encontro de alunos e reunião para servidores. Veja como foi

 

Assista à reportagem

As aulas no IFSULDEMINAS – Campus Inconfidentes começaram nesta segunda-feira (04). Logo de manhã, o movimento de alunos era grande em frente ao Prédio Principal. Os estudantes dos primeiros anos dos Cursos Técnicos foram recebidos com um café da manhã.

Reunidos na quadra do Prédio Principal, quase 200 calouros foram acolhidos pelo diretor-geral, professor Luíz Flávio Reis Fernandes."Saúdo e os parabenizo por terem sido aprovados em nosso vestibular. Acima de tudo, atribuam a vocês uma grande responsabilidade. Vocês estão inseridos em uma instituição centenária. Somos referência no Brasil. Vocês, junto conosco, nos ajudarão a levar o nome do IFSULDEMINAS mais longe", discursou o gestor.

A Coordenadora de Assistência ao Educando, Adriana Oliveira orientou os estudantes sobre as regras para alcançarem bons resultados nos estudos, como uso de celulares, respeito aos colegas, proibição de trotes e o funcionamento de avaliações.

Como os servidores do Setor Pedagógico terão mais contato com os estudantes no decorrer do ano, eles e os trabalhos ofertados pelo setor foram apresentados aos alunos.

Ainda no período da manhã, os estudantes conheceram as instalações do campus, como a Biblioteca Afonso Arinos, o Prédio Principal e a Fazenda Escola. Eles também tiveram o primeiro contato com o curso por meio das aulas inaugurais. "Vai ser uma nova etapa. Aqui tem coisas que eu nunca vi. Aqui tem gente que nunca vi, mas aos poucos vou conhecer. Fui muito bem recebido", disse o calouro do Curso Técnico em Agrimensura, Kauã Emiliano que é natural de Pouso Alegre (MG).

O início das aulas para as demais turmas foi agendado para um dia após o começo das aulas dos primeiros anos. Mas alguns veteranos decidiram chegar antes, como a jovem Ana Heloísa de Morais, estudante do 3º ano do Curso Técnico em Agrimensura. "Vim antes para deixar tudo arrumado e começar o primeiro dia de aula com tudo organizado", contou a estudante de Monte Sião (MG).

Reunião dos servidores: acolhidas e despedidas

O primeiro dia de aulas também foi de trabalho para professores e técnicos administrativos. O auditório do Centro de Procedimentos Ambientais ficou lotado de servidores para a primeira reunião do ano. Eles foram recebidos pelo diretor-geral. "Este é um momento de compartilhar ideias e mostrar os caminhos que pretendemos seguir. Todos pertencemos à instituição e depende de nós um novo momento de trabalho", comentou Luiz Flávio.

O diretor geral fez um diagnóstico da instituição e falou sobre a necessidade de melhorias dos indicadores, orçamento e número de estudantes no campus, além das obras em andamento como as de acessibilidade e na piscina.

Novos servidores foram apresentados para a comunidade. Houve também a despedida de servidores que se aposentarão neste ano. "Aqui fiz um bom combate. Me entreguei para esta escola e não me arrependo de ter feito isso", disse uma das servidoras aposentadas, Sheila Guidi.

Chegada no Alojamento

Foto chegada no alojamentoMas para os alunos que irão morar no alojamento, o começo de 2019 aconteceu já no domingo à tarde. O dia foi marcado pela chegada dos jovens à nova casa.

Muitas famílias acompanharam os estudantes na chegada ao campus. É o caso do senhor João Rodrigues. Ele é pai do aluno Mizael Rodrigues, e veio de Borda da Mata, para ajudar o filho na mudança. "A gente acha um pouco ruim eles virem por causa da saudade. Mas é para o bem dele. A escola é muito boa e ele vai aprender muito", comentou Rodrigues enquanto ajudava o filho organizar o guarda-roupas.

A acolhida dos alunos foi feita pela coordenadora dos alojamentos do Campus Inconfidentes, Erica Paula Pereira. Segundo ela, o trabalho de recepção é prazeroso. "Vejo a alegria e a segurança com que os pais deixam os filhos aqui. É uma emoção", disse a servidora.

Para muitos novos alunos é a primeira experiência de morar longe da casa dos pais. Breno Fialho vai cursar Técnico em Agrimensura. Natural de Lavras, no Sul de Minas, ele tem 16 anos e vai aproveitar o alojamento para fazer novos amigos. "É uma experiência nova. É um lugar diferente e longe de onde moro. Não sou acostumado com a família longe. Acaba que dá uma pequena tristeza. Mas logo vou conhecer os amigos", relatou o jovem.


Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

registrado em:
Fim do conteúdo da página